O que é e como funciona o Certificado SSL

Sem criptografia SSL, a maioria dos seus clientes simplesmente compram em outro lugar.

Fundamentos dos certificados SSL

Existem 3 elementos essenciais:

  • um protocolo para comunicações (SSL),
  • credenciais para estabelecer identidade (o certificado SSL);
  • um terceiro que ateste as credenciais (a autoridade de certificação).

Os computadores usam protocolos para permitir que diferentes sistemas funcionem em conjunto. Os servidores da Web e os navegadores da Web dependem do protocolo Secure Sockets Layer (SSL) para ativar as comunicações criptografadas. O pedido do navegador que o servidor se identifica é uma função do protocolo SSL.

As credenciais para o estabelecimento de identidade são comuns ao nosso cotidiano: uma carteira de motorista, um passaporte, um emblema da empresa. Um certificado SSL é um tipo de certificado digital que serve como uma credencial no mundo on-line. Cada certificado SSL identifica de forma exclusiva um domínio específico (como jmtweb.net.br) e um servidor web.

Nossa confiança em uma credencial depende da nossa confiança na organização que a emitiu.

As autoridades de certificação possuem uma variedade de métodos para verificar a informação fornecida por indivíduos ou organizações. Os navegadores estendem essa confiança aos certificados digitais que são verificados pela autoridade de certificação.

O protocolo Https

HTTPS (Hyper Text Transfer Protocol Secure) é a versão segura do HTTP (Hyper Text Transfer Protocol). Meios seguros de transferência de dados usando o protocolo https na internet são necessários para efetuar transações online seguras, como os serviços bancários ou compras online. Em outras palavras, o HTTPS criptografa a sessão com um certificado digital, utilizando o HTTP sobre SSL (Secure Sockets Layer) utilizado pelos navegadores. Então, se o website começa com https:// ao invés de http://, ele é um website seguro. Todos os navegadores são capazes de se conectar a um servidor web uitlizando http ou https.

Os principais navegadores como o Internet Explorer ou o Firefox mostram um cadeado dourado ou verde para indicar que você está acessando um website seguro. Esse cadeado só aparece quando um certificado digital está instalado no servidor web.

Como o funciona SSL?

O SSL (Secure Sockets Layer) usa um sistema de criptografia que utiliza duas chaves para criptografar os dados, uma chave pública conhecida por todos e uma chave privada conhecida apenas pelo destinatário.

O SSL é a única e eficaz maneira de obter segurança de dados em comércio eletrônico. Quando um SSL – Certificado Digital está instalado no website, um icone de um cadeado aparece no navegador e o endereço começa com https:// ao invés de http:// informando que os dados serão criptografados.

Por que um certificado SSL é necessário?

Com a crescente popularidade da internet, mais oportunidades são criadas para os setores comerciais e não-comerciais.

A maioria das pessoas não enviarão seus dados confidenciais pela web a menos que saibam que as informações estarão seguras.

A melhor maneira de garantir essa segurança e atrair mais consumidores é instalar um certificado SSL para comprovar a identidade do seu site.

Fontes: www.comodobr.com e www.thawte.com

Facebook atualiza as Fan Pages apresentando novas seções

Novo visual das Fan Pages

Como de praxe, o Facebook lança as novidades e atualizações conforme a Rede Social avança e apresenta novas funções nas Fan Pages (As páginas de curtidas) e dessa vez, a nova atualização consiste em criar novas seções em destaque para o público.

Novo visual das Fan Pages
Novo visual das Fan Pages

Porém, as novas atualizações somente estão disponíveis atualmente na Europa, as atualizações prometem chegar ao Brasil em breve. Abaixo, você já pode conferir alguns ‘Prints’ que fizemos para mostrar como o Facebook já está informando para os usuários sobre o uso das novas seções.

Novo visual das Fan Pages
Novo visual das Fan Pages

De acordo com a foto, o Facebook propõe que agora será permitido criar novas seções, que são separadores de informação na Fan Page e cada separador o usuário poderá destacar um conteúdo relevante. Com esta função, o usuário pode definir o que deve aparecer primeiro em sua Fan Page, destacar fotos e informações, menu, hora de publicação e botões de ‘Call-to-action’.

Novo visual das Fan Pages
Novo visual das Fan Pages

No mais, vamos aguardar ansiosamente se aqui no Brasil será lançado conforme as mesmas funções da Europa e ver o que podemos fazer a mais.

WordPress lança a versão 4.7, veja as novidades

No último dia 06 de dezembro de 2016, o WordPress lançou uma nova versão 4.7 do seu CMS. Com o codinome “Vaughan” em honra ao lendário vocalista de Jazz Sarah Sassy Vaughan, a atualização já está disponível no painel de atualizações e se se encontra no site oficial do WordPress Brasil.

Abaixo, vou citar somente as novidades desta versão, para quem ainda não atualizou e está com dúvidas do que realmente há de novo na versão 4.7 do WordPress.org. Bom, vamos lá!

Apresentação do novo tema Twenty Seventeen

Há muito tempo o WordPress traz em sua bagagem os temas padrões para deixar o usuário mais familiarizado, e deram uma repaginada no Tema padrão. Desta vez, o tema está direcionado à sites e portais de negócios e vêm com uma página inicial personalizada com várias seções. Agora o tema pode ser personalizado nas seções com Widgets, navegação, logotipos, cores personalizadas e muito mais. Além disso, o tema do Twenty Seventeen vem totalmente adaptado para dispositivos móveis e mais ágil para atender um grande número de usuários.

Mais melhorias no Personalizar

Nesta versão, havia mesmo de se esperar mais melhorias no recurso de personalização de temas em tempo real. Desta vez, além da rapidez para editar os temas em tempo real com edições ininterruptas fazendo com que o usuário não perca uma edição. Agora o recurso atende também a inserção de widgets e vários outros tipos de informações, desde ícones à imagens do header com mais precisão. Foram colocados ícones para destacar os atalhos, onde mostra cada seção do seu site; Agora você pode, também, colocar além de fotos no cabeçalho do site, a atualização do WordPress permite a inserção de pequenos vídeos, para dar mais elegância ao conteúdo do seu site. Bacana né?!

Além das melhorias do Personalizar mencionadas acima, agora o painel disponibiliza uma página para inserção de códigos CSS personalizados, onde, antes iríamos direto no arquivo styles.css do nosso tema e editávamos os estilos a nosso gosto e quando por acaso realizamos uma atualização do tema atual, as alterações eram descartadas, gerando muita dor de cabeça. Agora com as CSS personalizadas, mesmo com o tema atualizado, as alterações serão mantidas!

Outras duas alterações mais simples, porém importantes, são as pré-visualizações de arquivos PDF, onde não tinha como ver uma preview do arquivo e o painel de configurações conta com um selecionador de idiomas! Isso mesmo, antes teríamos que instalar um plugin de idiomas para poder traduzir o painel do WordPress né? Agora são será mais preciso, contamos com um recurso nativo, onde apenas a parte de administração de será traduzida. Para traduzir o conteúdo do site, é claro, precisamos instalar um plugin.

Melhorias no editor de postagens

O editor de postagem é onde a maioria dos proprietários de sites passam a maior parte do seu tempo criando conteúdos. Cada versão do WordPress traz aprimoramentos e recursos para o editor post.

WordPress 4.7 fará algumas mudanças sutis, mas importantes para o editor. O menu seletor de parágrafo e cabeçalho agora aparecerá na barra superior. O botão sublinhado e justificar texto foi removido.

Os usuários também serão capazes de usar os atalhos de teclado.

Implantação de Endpoints de conteúdo com API REST

Bom.. essa é uma grande atualização, não sei informar com precisão se realmente vai ser satisfatório ou se é apenas uma grande brecha de segurança, porém deixo aberto uma discussão sadia sobre este novo recurso do WordPress: A implantação de End-points com a API REST.

Basicamente, cada função do WordPress agora possuí um terminal, um endereço, onde pode ser acessado por qualquer sistema ou site através de Tokens e senhas, para obter acesso a comentários, posts, imagens, configurações, termos, usuários e metas.

Com isso, o CMS se torna mais acessível e completo para que seja integrado com qualquer sistema que entenda as normas e use a API REST da web. Como por exemplo, podemos integrar um site dinâmico sem uso do WordPress em tempo real com o CMS para trazer comentários feitos, últimas postagens feitas, imagens e qualquer outra informação publicada. Para nós desenvolvedores, basta estudar esse novo recurso que está disponível para estudo neste link: https://developer.wordpress.org/rest-api/reference/ e já pode fazer alguns testes!

E aí, o que achou da implementação da API REST? Deixe sua opinião!

Até a próxima!

Google: Diga adeus para o conteúdo palavras-chave

Palavras-chave de conteúdo

Logo quando o Search Console ainda era chamado de Webmaster Tools, o recurso de palavras-chave de conteúdo foi a única maneira de ver o que o Googlebot (Robô que indexa as páginas na rede mundial) encontrou quando ele indexava um site. Este recurso foi útil para ver que o Google foi capaz de rastrear suas páginas em tudo, ou se o seu site foi hackeado.

Palavras-chave de conteúdo
Palavras-chave de conteúdo

Enquanto isso, você pode facilmente verificar qualquer página em seu site e ver como o Googlebot visualiza imediatamente, na Pesquisa Analytics mostra quais as palavras-chave o Google mostra seu site na busca e te informa de muitos tipos de hacks automaticamente. Além disso, os usuários tinham muitas dúvidas sobre as palavras-chave listadas em palavras do conteúdo. E assim, chegou o momento de se aposentar do conteúdo Palavras-chave, segundo o Google este recuso não é mais necessário.

As palavras contidas no conteúdo do seu site, ainda são muito importantes para o Google e para seus visitantes para compreender o conteúdo. Enquanto os sistemas do Google, por mais sofisticados que sejam, ainda não podem ler a mente do criador de conteúdo do site: quanto mais claro o criador do conteúdo é, mais encontrado na busca o site vai ser. Diga aos visitantes o que faz o seu site, seus produtos e serviços!

FONTE: Google Webmaster Central Blog.

Juiz multa pré-candidato a vereador do PV por propaganda na internet

o que pode e nao pode nas eleicoes 2016

O juiz Coordenador da Propaganda Eleitoral, Clicério Bezerra e Silva, do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), condenou o pré-candidato José de Lemos Vasconcelos Neto (PV) a pagar multa de R$ 45 mil por propaganda eleitoral antecipada por meio de publicidade paga na internet.

De acordo com as representações, no perfil pessoal nas redes sociais, José de Lemos se apresentava como um crítico dos cenários local e nacional e estimulava debates sobre temas de interesses públicos, por meio de anúncio patrocinado.

o que pode e nao pode nas eleicoes 2016
o que pode e nao pode nas eleicoes 2016

Também se apresentava como Zé Neto do PV, como pré-candidato a vereador do município do Recife nas eleições municipais de 2016, com a hastag: #tôcomzéneto. Porém, o anúncio não foi considerado como pedido explícito de votos.

No texto, o juiz afirma: “Entendemos que a restrição concerne à propaganda extemporânea, não pode ser vista apenas o texto na lei, mas também as proibições implícitas que a coibir, por exemplo, o uso indevido dos meios de comunicação social”.

O juiz Clicério Bezerra destacou também que é proibido realizar gastos no período de pré-campanha. Antes disso, segundo ele,  o pré-candidato não pode realizar qualquer tipo de gasto, por ele ou por terceiros. Bezerra reforça que tudo que pode é aquilo que não precise de dinheiro. Quando precisa de dinheiro para fazer qualquer divulgação, mesmo não pedindo voto, é propaganda extemporânea.

Por telefone, o pré-candidato fez questão de destacar que jamais tentou burlar qualquer decisão da Justiça e que recorrerá para tentar, ao menos, reduzir o valor da multa. “Quando criei a página, vi que meus concorrentes utilizavam posts impulsionados e também fiz algumas postagens. Essa é uma legislação nova, uma espécie de ‘eleição teste’, e todos estão tentando entender o seu funcionamento. Quando recebi a condenação, imediatamente interrompi os posts, tanto que o último é do dia 13 de junho”, explicou o postulante do PV.

Você que é candidato a eleição 2016 e não sabia fique atento! Para evitar estes constrangimentos ou pagamentos de multas, seja cliente da JMTweb, temos um pacote especial para candidatos das eleições 2016 na internet incluso a criação do site, Redes Sociais, imagem social, fotos em estúdio fotográfico e assessoria na internet com nossa equipe jurídica que estará disponível para você ou sua equipe ficar sempre ligados em que pode ou que não pode na internet! Acesse: http://jmtweb.net.br/site-para-candidato/ ou ligue (84) 3027-4883 e marque uma reunião com nossa equipe que teremos o melhor negócio para você.

FONTE: G1 GLOBO.

Dicas para campanha na internet 2016

Para as candidaturas que pretendem assumir uma identidade digital forte e de alto potencial de conversão de votos nas próximas eleições, é essencial empreender ações de marketing político no Facebook em função da penetração que esta rede social vem ganhando no Brasil.

Campanha eleitoral na Internet
Campanha eleitoral na Internet

Faça de seu Facebook um local de convergência de suas ações

Participe de reuniões comunitárias e partidárias e mantenha sua página atualizada; opine, manifeste por meio de textos e mini-vídeos suas opiniões; mostre as bandeiras nas quais trabalha ou que quer vir a trabalhar (saúde, educação, emprego, segurança, etc) e elabore uma postura em torno disso. Começando desde já, pode-se alcançar um grande número de pessoas gratuitamente e de forma rápida, tornando-se um précandidato conhecido e respeitado pelos seus seguidores.

  • Poste em seu Facebook e em seus grupos de WhatsApp fotos de reuniões comunitárias e partidárias das quais participa, com um texto curto identificando de que se trata, mostrando sua atuação ativa junto à sociedade e junto à vida partidária:
  • Se for fazer vídeo-selfies, prepare o texto antes, poucas linhas; não improvise se estiver inseguro, treine antes e grave um vídeo que passe sua mensagem de forma clara e rápida; grave vídeos curtos, mas que mostrem seu posicionamento e as bandeiras que defende. Sugestão de temas: corrupção, problemas sociais, formas de enfrentá-los, ideias para solução de problemas específicos de sua cidade;
  • Escreva mini-artigos, pequenos textos que demonstrem seu posicionamento, eventuais ideias para problemas pontuais que vão de encontro ao interesse das pessoas;
  • Se criar um Blog, e postar artigos, comentários, publique o link no seu Facebook;
  • No Facebook, adote uma conduta única; de nada adianta postar trabalho comunitário, participação em reuniões, posicionamento político, e depois postar um vídeo ou banner de mau gosto; mantenha uma conduta linear, tenha uma postura séria, cuide bem de sua imagem;
  • Cuidado com o excesso de postagens num só dia, as pessoas podem se cansar; utilize poucas fotos e textos curtos; não bombardeie as pessoas com excesso de informações;
  • Não repasse correntes; não crie polêmicas desnecessárias com posicionamentos radicais sobre temas que ferem a liberdade individual das pessoas, como religião, orientação sexual, etc;
  •  Analise a viabilidade de transformar seu perfil de Facebook em página, pois os mecanismos de controle estatístico podem ser uma boa ferramenta para medir o resultado de seu marketing pessoal;
  • Quer saber de que assunto pode falar? Que bandeiras defender? Informe-se. Interesse-se. Leia jornais diariamente. Os jornais estão na palma de sua mão, na tela do seu celular, gratuitamente, basta baixar aplicativos e os terá 24 horas à sua disposição. Leia, saiba o que está acontecendo, entenda as situações políticas, acompanhe os índices econômicos e sociais do país e de seu município, e com isso, rapidamente estará apto a falar e escrever sobre estes temas de forma coerente;
  • Sempre consulte as fontes. Não fale de coisas que não tenha certeza. Não repasse informações exageradas, tendenciosas e que podem estar publicadas em sites não confiáveis. Não apresente índices sem consulta às fontes confiáveis.

 

Resolvendo erro no WP Super Cache

Olá pessoal,

Hoje irei mostrar a vocês uma solução de um problema que tive com um site em WordPress de um cliente meu que passei algumas horas para resolver e identificar o que estava acontecendo. Bom.. por questões de segurança não irei demonstrar aqui qual cliente era, mas a versão do WordPress que estava usando era 4.5.2 e o Plugin em questão é o WP Super Cache versão 1.4.8.

O erro que estava aparecendo era mostrado no Painel do Administrador era o seguinte:

Conforme o erro mostra: Warning! WP Super Cache caching was broken but has been fixed! The script advanced-cache.php could not load wp-cache-phase1.php. Informa basicamente que o arquivo advanced-cache.php dentro da pasta raíz do plugin wp-super-cache não conseguiu abrir o outro arquivo de configuração chamado de wp-cache-phase1.php que é também um arquivo de configuração do WP Super Cache.

Para resolver este erro é bastante simples, basta abrir o arquivo WP-CONFIG.PHP dentro da pasta raíz do seu site WordPress com seu editor de textos favorito, para isso basta usar um acesso FTP e baixar o arquivo para seu computador para efetuar as alterações e identificar a seguinte linha de código:

Com essa linha de código, basta adicionar antes da palavra “define” duas barras invertidas “//” para comentar a linha em PHP e digitar a seguinte linha de código abaixo da anterior:

define( 'WPCACHEHOME', dirname(__FILE__) . '/wp-content/plugins/wp-super-cache/');
Basta dar um “Enter” e digitar a linha acima. Salve seu arquivo e faça upload na pasta raíz do seu site WordPress e caso peça para substituir o arquivo já existente, clique para substituir.

Geralmente, estes erros se dão em hospedagens Windows, pois as pastas raiz do IIS estão com permissões diferentes da permissão atual do seu blog em WordPress. Feito o procedimento acima basta dar um refresh em seu painel de Administrador e provavelmente a mensagem vai desaparecer e sugiro ir na página do plugin WP Super Cache e verificar se o Cacheamento está ativado, lembre-se qualquer dúvida postem nos comentários que tanta-rei solucionar.

Bom.. Por hoje é isso pessoal, até mais!

Fonte: https://websign.net.br/blog/mensagem-de-erro-no-plugin-wp-super-cache/

A procura do post perfeito. 4 dicas básicas para postar com sucesso.

Quando você vai escrever uma postagem para seu blog, há alguns cuidados que você deve tomar.

4 dicas para seu post
4 dicas para seu post

Deixamos 4 dicas simples de seguir, para melhorar a popularidade do seu post:

  1. Título atrativo.
    Escolha o título do seu post com atenção e procure que apareçam as palavras com as que você quer ser procurado nos motores de pesquisa. A escolha do conteúdo do título é o fator mais importante na hora de determinar o sucesso do seu post.
  2. Procure conteudos originais.
    Google reconhece os posts colados de outros blogs, mesmo sendo modificados. É muito mais fácil ter sucesso quando aportamos conteúdos novos na internet, Google coloca nosso post nas primeiras posições nas pesquisas quando acredita que é um conteúdo útil e novo, não uma copia. O mesmo acontece com os usuários do seu blog.
  3. Confira o conteúdo do seu post.
    Apos pensar que seu post está pronto, comesse de novo. Passe o corretor ortográfico, marque com uma etiqueta de enfases <strong> as palavras mais importantes e coloque links apontando a outras páginas do seu blog. Reduza as imagens o máximo que puder e lembra de colocar etiquetas em todas elas.
  4. Coloque os botões para compartir.
    Agora que já tem seu post pronto para upar, lembre que a galera tem que poder compartir!

Até a próxima!

Pedir ao Google para rastrear uma página

Para pedir ao Google que rastreie um URL em um site que não é seu, visite https://www.google.com/webmasters/tools/submit-url/. No entanto, se o site for seu, recomendamos que você siga o processo abaixo.

Peça ao Google para indexar uma página ou um site:

  1. Na página inicial das Ferramentas do Google para webmasters, clique no site desejado.
  2. No “Painel”, em Rastreamento, clique em Buscar como o Google.
  3. Na caixa de texto, digite o caminho para a página que você deseja verificar.
  4. Na lista suspensa, selecione web. Você pode selecionar outro tipo de página, embora atualmente nós estejamos aceitando apenas envios para nosso índice da Pesquisa da web do Google.
  5. Clique em Buscar. O Google buscará o URL solicitado. O status de busca pode levar de 10 a 15 minutos para ser atualizado.
  6. Assim que você visualizar o status de busca “Bem-sucedido”, clique em Enviar para o índice e clique em uma das seguintes opções:
    • Para enviar o URL individual ao índice do Google, selecione URL e clique em Enviar. É possível enviar até 500 URLs por semana dessa forma.
    • Para enviar o URL e todas as páginas vinculadas a ele, clique em URL e todas as páginas vinculadas. Você poderá enviar até 10 solicitações como essa por mês.