Mencey Loco Beach House, novo cliente da JMT

De estilo rústico-moderno, a casa pode acomodar até 12 pessoas com total conforto e está pensada para atender com bom-gosto e praticidade

Mencey Loco Beach House casas de praia em São Miguel do Gostoso
Mencey Loco Beach House casas de praia em São Miguel do Gostoso

5 acomodações dignas dos seus sonhos, de frente para o mar.

O local tem piscina exclusiva e toda segurança e lazer de um condomínio fechado, e está encravada as margens da linda praia de Monte Alegre, apenas a 1,8 km de São Miguel do Gostoso.

CRM wordpress personalizado.
Principais combinaçoes:

Artècnics – Novo cliente da JMT

Artècnics - Rehabilitacion y reformas de edificios

Novo projeto da JMT para atualização do site www.artecnics.com

Artècnics - Rehabilitacion y reformas de edificios
Artècnics – Rehabilitacion y reformas de edificios

Serviços efetuados no site:

Parabéns pelo trabalho equipe e sucesso para a www.artecnics.com

Empreendedores que apostam em CRM podem fazer o negócio crescer

Sistemas CRM

Plataforma contribui com a melhoria de atendimento a clientes e na organização de demandas

Problemas na comunicação, em organização de demandas, no atendimento, no acompanhamento de equipes, prazos perdidos, essas são apenas algumas das consequências que a falta de organização pode acarretar dentro de uma empresa.

São muitas informações no dia-a-dia que muitas vezes são perdidas com a correria do trabalho, por isso é importante que o gestor junto com sua equipe adote práticas que possam facilitar o acesso a dados.

Para a felicidade de todos (empresários, clientes, fornecedores e equipes) existem alguns recursos que ajudam na rotina da empresa e que pode ser uma mão na roda para fortalecer os negócios e crescer cada vez mais.

Batante utilizado no ambiente corporativo, o CRM é uma plataforma que ajuda a empresa a colocar e traçar uma estratégia, porém, muitos empresários não fazem ideia de como o software pode trazer vantagens. Paulo Chabbouh, CEO da L5 Networks, empresa pioneira em telefonia em nuvem no Brasil, explica que o CRM ajuda a aperfeiçoar o modus operandi do negócio.

“Ter um CRM como ferramenta de trabalho é muito importante, primeiro porque haverá organização entres os processos, pois as informações ficam centralizadas num único lugar, é também um ótimo método para conhecer melhor o cliente e fidelizá-lo, já que na plataforma existe a possibilidade de registrar todas as informações dele, comentários feitos durante o atendimento e assim entender quais são as preferências e personalizar a forma de atende-lo”, conta Chabbouh.

Na hora de escolher o melhor CRM para a empresa, Chabbouh explica que o empresário precisa entender o que ele procura na plataforma e se o software escolhido atenderá as demandas dele. “Não é uma tarefa muito fácil escolher o CRM que melhor vai atender as demandas da empresa, é preciso se atentar a preço, as facilidades que ele proporciona, não adianta escolher um com muitos recursos mas que sejam difíceis de mexer, outro ponto importante é o suporte, quais são os canais de atendimento caso tenha alguma dúvida? será atendido em inglês ou em português? É preciso se atentar nestes pequenos detalhes mas que fazem toda a diferença”, finaliza.

No caso da JMTweb. oferecemos sistemas CRM para empresas de qualquer porte e de qualquer ramo, fazendo com que o sistema se torne algo útil para o cliente de forma que atenda perfeitamente todos os setores internos da empresa.

8 dicas de segurança digital para empresas

Segurança da informação é uma das maiores preocupações dentro das empresas, principalmente quando o tema envolve roubo de dados digitais. Esse tipo de invasão cresceu tanto que hoje representa o segundo lugar na lista das principais criminalidades no mundo – perde apenas para o tráfico de drogas.

Segurança digital nas empresas
Segurança digital nas empresas

Com isso, as empresas precisam investir cada vez mais em tecnologias que a protejam de hackers, pois o prejuízo financeiro pós-invasão pode ser milionário, ou seja, muitas vezes menor que os investimentos em segurança. Ano passado o impacto gerado por fraudes em publicidade digital chegou a U$ 7,2 bilhões, e foram contabilizadas mais de mil invasões às empresas e agências somente do governo norte-americano. O caso mais recente foi a invasão à Comissão de Valores (SEC) da Bolsa norte-americana, no último dia 20.

Para dar dicas de segurança às empresas, Emmanuel Santana, co-fundador e CTO da Reamp – empresa que oferece tecnologias e serviços para gestão de mídia e dados – listou oito medidas simples de prevenção contra a fraude digital. Emmanuel defende a teoria de que é possível criar privacidade digital com algumas soluções acessíveis. Confira:

  1. Cuidado com o anti-vírus: muitas ferramentas se passam por “anti-vírus” para acessar dados de administrador do computador. Para se prevenir desse ataque, verifique a empresa desenvolvedora e utilize sistemas operacionais atualizados;
  2. Fique atento com ferramentas que prometem fazer milagres como deixar o computador mais rápido: normalmente estão repletas de malwares;
  3. Ao configurar o roteador, mude as senhas padrões. Soluções simples evitam o ataque por DNS, impedindo que hackers façam invasões em internet bankings dos usuários, por exemplo;
  4. Ao navegar em sites que exijam login, verifique a extensão do endereço (https://) e se o certificado de segurança é válido. Alguns ataques replicam páginas da internet, e essa medida ajuda na prevenção de fraude; Nossa empresa oferece aos clientes certificados de segurança SSL.
  5. Não memorize suas senhas em computadores que não são seus. Prefira usar gerenciadores de senhas como o LastPass, Dashlane e KeePass para armazenar suas senhas – eles impedem invasões via keyloggers, por exemplo. Além disso, sempre que possível, prefira criar logins compostos por senhas e configurações via celular;
  6. Em dispositivos móveis, prefira acesso com a impressão digital, e configure as ferramentas de localização disponíveis no aparelho para bloquear caso seja roubado;
  7. Cuidado com o que é dito dentro de ferramentas que não usam criptografia: as mensagens podem ser lidas por qualquer usuário que faça parte daquela rede;
  8. Cuidado com o e-mail de recuperação de senha: se estiver inválido por conta de domínio expirado ou falta de uso, ele pode estar sendo usado por outra pessoa.

Então gostou das dicas? Fique sempre atento ao mundo digital e sempre que precisar de consultoria de segurança na sua rede, servidores, aplicações ou sistemas conte com nossa equipe que temos o maior prazer em atender.

Hospedagem de pago ou gratuita?

Muitos de nossos clientes que começam nesse mundo virtual, tem medo de colocar na bagagem despesas fixas sem saber muito bem o que está sendo pago. A primeira coisa a decidir é o tipo de hospedagem onde vamos alocar nosso site para que ele esteja disponível para todos os usuários.

Independente do tipo de website, seja blog, loja virtual ou um site de notícias, todos eles precisam estar hospedados em algum servidor devidamente configurado para que seja encontrado na Rede de Alcance Mundial (o famoso WWW).

Uma vez sabemos que precisamos uma hospedagem, vamos ver qual tipo de hospedagem é a mais adequada as nossas necessidades.

Para todos aqueles que tem intenção de criar um site ou blog pessoal, já seja para contar coisas “não importantes” ou para um evento de pequeno porte, existem muitos serviços de hospedagem gratuitos disponíveis: blogger, wordpress, Wix, Google sites, etc…
Estos serviços, alias de serem gratuitos são de fácil manoseio e muito intuitivos na hora de confeccionar seu site. Alias, em sua majoria, dispõem de varias planilhas com diferentes desenhos para sua escolha e é possível adicionar plugins para melhorar o desempenho. Os sites gratuitos, em geral, estão atrelados ao nome do provedor. Se você hospedar seu site gratuitamente no Wix, por exemplo, o endereço vai ser seusite.wix.com.

Outro fator a considerar são os anúncios. Os provedores de hospedagem gratuitos, acostumam a colocar anúncios nos sites que hospedam, com o que pode-se dar o caso de a gente estar fazendo publicidade da concorrência. Pega mal com os clientes 😉

Então, é preciso pagar hospedagem ou não?
A tentação de escolher uma solução gratuita, ainda mais para quem está começando, é tentadora.

Se você está querendo um site rentável para divulgar seu produto ou sua marca, ou uma loja virtual, ou qualquer outro tipo de website com intenção de rentabilização e ganhar dinheiro, precisa sim pagar pela sua hospedagem e optar por uma opção mais profissional.

Quem paga por hospedagem tem direito a uma série de ferramentas extras, como backup regular dos arquivos, correio eletrônico personalizado
(seunome@suaempresa.com.br) e principalmente a possibilidade de desenhar o seu site a sua medida, sem ter que ajustar planilhas predelineadas. Ao pagar pela hospedagem, pode-se ter direito a um nome só seu de domínio, como o suaempresa.com.br.

Se você está procurando um site dinâmico e rentável para sua empresa, mas não tem certeza dos passos a seguir nem por onde começar, entre em contato com a nossa equipe, podemos lhe ajudar!


Novo site para FX Sanmartí. Versão 6.0

JMT Web e Fx Sanmartí: mais de uma década de parceria e excelentes resultados

A JMT lança a versão 6.0 do site www.fxsanmartí.com

  • Site desenhado em HTML5+CCS3;
  • Certificado seguro (https);
  • Wp integrado no site;
  • Código com fragmentos enriquecidos>> https://schema.org
Foco en la conversión de resultados
Foco na conversão de resultados

Com o novo site, mais claro e elegante, pretendemos aumentar o relacionamento da Fx Sanmartí com seus clientes e oferecer ainda mais informação de qualidade e perfeitamente ordenada.

“A parceria entre a JMT e a Fx permitiu-nos entrar com facilidade nos diferentes mercados em que operamos.”

Oriol Sanmartí
CEO – FX Sanmartí

O que é e como funciona o Certificado SSL

Sem criptografia SSL, a maioria dos seus clientes simplesmente compram em outro lugar.

Fundamentos dos certificados SSL

Existem 3 elementos essenciais:

  • um protocolo para comunicações (SSL),
  • credenciais para estabelecer identidade (o certificado SSL);
  • um terceiro que ateste as credenciais (a autoridade de certificação).

Os computadores usam protocolos para permitir que diferentes sistemas funcionem em conjunto. Os servidores da Web e os navegadores da Web dependem do protocolo Secure Sockets Layer (SSL) para ativar as comunicações criptografadas. O pedido do navegador que o servidor se identifica é uma função do protocolo SSL.

As credenciais para o estabelecimento de identidade são comuns ao nosso cotidiano: uma carteira de motorista, um passaporte, um emblema da empresa. Um certificado SSL é um tipo de certificado digital que serve como uma credencial no mundo on-line. Cada certificado SSL identifica de forma exclusiva um domínio específico (como jmtweb.net.br) e um servidor web.

Nossa confiança em uma credencial depende da nossa confiança na organização que a emitiu.

As autoridades de certificação possuem uma variedade de métodos para verificar a informação fornecida por indivíduos ou organizações. Os navegadores estendem essa confiança aos certificados digitais que são verificados pela autoridade de certificação.

O protocolo Https

HTTPS (Hyper Text Transfer Protocol Secure) é a versão segura do HTTP (Hyper Text Transfer Protocol). Meios seguros de transferência de dados usando o protocolo https na internet são necessários para efetuar transações online seguras, como os serviços bancários ou compras online. Em outras palavras, o HTTPS criptografa a sessão com um certificado digital, utilizando o HTTP sobre SSL (Secure Sockets Layer) utilizado pelos navegadores. Então, se o website começa com https:// ao invés de http://, ele é um website seguro. Todos os navegadores são capazes de se conectar a um servidor web uitlizando http ou https.

Os principais navegadores como o Internet Explorer ou o Firefox mostram um cadeado dourado ou verde para indicar que você está acessando um website seguro. Esse cadeado só aparece quando um certificado digital está instalado no servidor web.

Como o funciona SSL?

O SSL (Secure Sockets Layer) usa um sistema de criptografia que utiliza duas chaves para criptografar os dados, uma chave pública conhecida por todos e uma chave privada conhecida apenas pelo destinatário.

O SSL é a única e eficaz maneira de obter segurança de dados em comércio eletrônico. Quando um SSL – Certificado Digital está instalado no website, um icone de um cadeado aparece no navegador e o endereço começa com https:// ao invés de http:// informando que os dados serão criptografados.

Por que um certificado SSL é necessário?

Com a crescente popularidade da internet, mais oportunidades são criadas para os setores comerciais e não-comerciais.

A maioria das pessoas não enviarão seus dados confidenciais pela web a menos que saibam que as informações estarão seguras.

A melhor maneira de garantir essa segurança e atrair mais consumidores é instalar um certificado SSL para comprovar a identidade do seu site.

Fontes: www.comodobr.com e www.thawte.com

Mudanças na segurança com o Chrome 62 em outubro

A partir da versão 62 do navegador todas as páginas sem o HTPPS conterão o aviso de que elas não são seguras.

Os esforços do Google com o seu navegador Chrome para provocar a transição da web para HTTPS estão começando a gerar resultados. O gigante do Silicon Valley já anunciou estar trabalhando para ampliar o número de sites HTTP que apareceram no seu buscador com o emblema “Não seguro”.

Com a versão 56, o Chrome começou a marcar sites HTTP com senha ou campos de cartão de crédito como “Não seguro”. Segundo fontes do Google, notou-se uma redução de 23% no trafego de visitas em sites com bandeira HTTP com formulários de senha ou cartão de crédito na área de trabalho.

O Google manifesta que um site é seguro quando usa o protocolo HTPPS, com um cadeado seguido pela palavra “Seguro” no canto esquerdo da barra de URL. Já as páginas “no seguras”, ou seja, aquelas que usam apenas o protocolo HTTP, são mostradas com um “i” dentro de um círculo e, quando clicamos nele, vemos a palavra “Inseguro”.

Chrome versão 61 e anterior
Chrome versão 61
Chrome versão 62 e posterior
Chrome versão 62

Outra medida que Google adotou faz tempo para incentivar ainda mais o uso de protocolo de segurança, é penalizar as páginas sem HTTPS nos resultados de busca. Sendo assim, os sites que já estão adequados ao padrão ganharão prioridade em detrimento dos sites sem Certificado  SSL.

Certificados SSL para seu site >> Click na imagem
Certificados SSL para seu site >> Click no cadeado

Certificados SSL para sites. Novo produto

O cadeado e o HTTPS exibidos na barra de endereços dos navegadores são sinais para o usuário de que seu site é seguro e que não ha fraude.

O Google anunciou em Abril mais uma mudança no caminho que percorre em busca de uma internet baseada em conexões seguras.

A empresa revelou que, a partir da versão 62 do buscador Chrome, o navegador adotará um novo comportamento na exibição do aviso “Não seguro” para sites que não apresentem o protocolo HTTPS.

Chrome será mais rigoroso com sites desprovidos de conexão segura (HTTPS)
Chrome será mais rigoroso com sites desprovidos de conexão segura (HTTPS)

Com o Chrome 62, nas páginas em abas “comuns”, o aviso “Não seguro” aparecerá quando o usuário estiver digitando qualquer coisa em qualquer campo de informação.

Esta mudança é devido ao  Google acreditar que senhas e números de cartão de crédito “não são as únicas informações que deveriam permanecer privadas”, como afirmou no blog oficial do projeto Chromium.

A JMT emite certificados há anos, e pensando em nossos clientes e em todos aqueles que desejam ficar a par com a “normativa” do Google, criamos um novo departamento para a emissáo de certificados para sites: https://ssl.natal.br

O cadeado e o HTTPS exibidos na barra de endereços dos navegadores são sinais para o usuário de que seu site é seguro e que não ha fraude.
O cadeado e o HTTPS exibidos na barra de endereços dos navegadores são sinais para o usuário de que seu site é seguro e que não ha fraude.

Veja mais informação de páginas seguras com certificado