Cloud Server – Saiba o que é, e porque é melhor

O que é um servidor web?

Essa pergunta pode ser respondida de duas formas: a primeira poderia ser “um programa”. Um servidor web pode ser um programa que aceita pedidos http de vários clientes e os responde via http (geralmente navegadores). Podendo incluir também nessa comunicação dados ou objetos (Documentos HTML e imagens). A segunda resposta é que um servidor web é uma máquina onde são armazenadas todas as funcionalidades que você deseja oferecer na Internet e que roda os programas necessários para satisfazê-las. 

São máquinas que estão sempre conectadas e disponíveis 24 h por dia aguardando as requisições que podem chegar a qualquer instante. Depois que a requisição do cliente (navegador) chega e as restrições de segurança são satisfeitas, ele entrega a informação solicitada ou executa a tarefa pedida. Essa comunicação pode ser estática ou dinâmica e também pode se dar através de scripts. 

O que são servidores dedicados e não dedicados?

Servidores dedicados são, como o próprio nome já diz, máquinas dedicadas unicamente a prover o processamento das requisições feitas ao seu site e as suas aplicações. Todos os recursos disponíveis naquele servidor estão à disposição de você. Ele tanto pode estar localizado localmente ou em um datacenter e é indicado quando o uso de hospedagem compartilhada já não é capaz de suportar as requisições de suas aplicações. O servidor não dedicado é justamente o contrário disso tudo, todas as suas aplicações e as requisições feitas a elas são armazenadas em um servidor juntamente com outras tantas aplicações de outras pessoas. Todas as requisições feitas a essas aplicações devem dividir todos os recursos que esse servidor possui. Se uma dessas aplicações requerer mais recursos com muita frequência, o resultado óbvio é que as demais terão perda de performance devido ao uso excessivo dos recursos disponíveis pela outra. 

O que é Cloud Computing e Cloud Server?

O cloud computing ou computação em nuvem é a nomenclatura adotada para a técnica de processamento e armazenagem de dados que utiliza diversas máquinas interligadas para executar as mesmas tarefas que antes seriam executadas numa única máquina. Essa técnica permite a escalabilidade dos recursos e garantem um grande ganho de desempenho na execução das tarefas. O Cloud Server é, nada mais nada menos, do que essa técnica aplicada aos servidores web. Assim todos os servidores processam todas as aplicações contidas “na nuvem” e utilizam para isso a soma de seus recursos. Assim, cada cloud server é um servidor virtual que utiliza recursos seus e dos demais para executar as tarefas e requisições solicitadas. Há sempre um servidor físico de reserva para o caso de problemas e ele é usado para suprir alguma eventualidade relativa à falhas técnicas que ocorram “na nuvem”. Tudo isso se dá de forma automática e garante sempre a máxima performance possível dos processos. 

Quais as vantagens e desvantagens disso?

Escalabilidade de recursos de computação que permite o deslocamento desses recursos de forma simples e rápida para suprir demandas elevadas momentâneas de uma determina aplicação sem a necessidade re reinicializar o sistema operacional e impedindo a queda do sistema. Assim, se o servidor “X” que estiver fazendo o processamento sentir-se insuficiente para tal, ao invés de “cair”, simplesmente migra a requisição para outro servidor e a aplicação continua operacional. 

Grande disponibilidade de recursos, a realocação dinâmica em casos de “panes” ou de requisições que excedam a capacidade do servidor no qual as aplicações se encontrem garantem um tempo “uptime” sempre elevado graças à vasta disponibilidade de recursos. 

A redução de custos é um grande atrativo. Afinal de contas, um servidor dedicado de grande capacidade custa caro e um cloud Server pode suprir essa grande necessidade de performance por um custo mais baixo. 

A compatibilidade é total e pode ser usado tanto pelos sistemas operacionais Linux quanto Windows. Com aplicativos desenvolvidos em PHP, ASP, .NET, Java, Delphi, VB e outros. Podem ter acesso remoto através de Terminal Services para aplicativos corporativo e rodar sistemas de Comércio Eletrônico, Gestão – ERP, CRM, BI e outros. 

A segurança deve ser garantida por uma equipe bem qualificada e bem treinada, normalmente uma empresa de hospedagem de sites, de qualidade, tem total capacidade de garantir esse quesito. Essa é a principal desvantagem, além da latência. Pois fica difícil avaliar a questão da qualidade das equipes pela impossibilidade, na maioria das vezes, de conhecê-la. Como é um conceito colaborativo e ainda recente, é de vital importância que a empresa que ofereça os cloud Server tenha uma equipe técnica bem treinada e uma estrutura capaz de resolver rapidamente qualquer problema que aconteça “na nuvem”, além disso, há o problema relacionado à privacidade dos dados armazenados em servidores usados por várias pessoas e empresas. Segurança, recuperação de dados e backup devem estar na ordem do dia para qualquer empresa que se interesse em fornecer ou contratar um cloud Server. 

Fonte http://www.artigonal.com

One Reply to “Cloud Server – Saiba o que é, e porque é melhor”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *